Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Após determinação de Moraes, PF instala tornozeleira eletrônica em Daniel Silveira

    Deputado federal chegou a passar a noite da Câmara dos Deputados para evitar cumprimento da decisão

    Rafaela LaraLarissa Rodriguesda CNN

    em São Paulo e em Brasília

    Ouvir notícia

    A Polícia Federal (PF) cumpriu nesta quinta-feira (31) a medida cautelar, determinada pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes, e instalou a tornozeleira eletrônica no deputado federal Daniel Silveira (União Brasil-RJ).

    Silveira compareceu à Superintendência Regional da PF no Distrito Federal nesta tarde. Mais cedo, Moraes havia determinado que o equipamento fosse instalado até às 15 horas.

    “A instalação do equipamento de monitoramento eletrônico no réu DANIEL SILVEIRA, nos termos da medida cautelar imposta por meio das decisões de 25/3/2022 e 30/3/2022, deverá ser realizada no dia de hoje, 31/3/2022, as 15h00, na Superintendência Regional da Polícia Federal no Distrito Federal”, diz trecho do despacho de Moraes, obtido pela analista de política da CNN Thais Arbex.

    Após a instalação, o parlamentar falou com os jornalistas. Segundo ele, a tornozeleira foi colocada de “forma irregular”. “Não existe defesa, existe acusação. Não cabe recurso ao ministro Alexandre de Moraes. Ele simplesmente ignora”, disse o deputado.

    O monitoramento eletrônico foi instalado na perna esquerda. “Eu coloquei nessa perna porque tudo de ruim é na esquerda”. “Pode filmar, tirar foto, pra ele não dizer que violei nada. Anota o número de série.”

    Silveira colou uma foto do ministro Alexandre de Moraes no objeto enquanto estava no seu gabinete na Câmara, hoje à tarde.

    Daniel Silveira colocou imagem de Alexandre de Moraes na tornozeleira eletrônica
    Daniel Silveira colocou imagem de Alexandre de Moraes na tornozeleira eletrônica / Reprodução

    Mais Recentes da CNN